Viva Lisboa, o reencontro com as origens

Poder-se-ia pensar, e bem, que 24 são poucos anos para se mostrar o quanto se vale profissionalmente, pois ainda há muito para aprender e amadurecer. Pois bem, no caso do chef Diogo Pimentel não será bem assim. Ou seja, ainda tem, claramente, muito para aprender e crescer, mas é, aos 24 anos, um excelente profissional que a cada dia dá cartas no restaurante Viva Lisboa, onde agora surpreende com um menu de degustação digno de nota.

«Quero levar os clientes numa viagem gastronómica pelo nosso país, sendo que para isso criei pratos que homenageassem todas as regiões que o compõem», refere a propósito do menu de degustação que agora faz as delicias dos visitantes, incluindo nós.

Creme de tomate com ovo escalfado e chips de presunto

Tudo começa no Alentejo, de onde o chef trouxe o creme de tomate com ovo escalfado e chips de presunto. Uma riqueza de sabores e texturas que combinam de forma harmonioso no nosso palato. Bom prenuncio para o que se seguiria.

Cogumelos à Bulhão Pato

Primeiro é o aroma característico que nos faz crescer água na boca. Um Bulhão Pato de cogumelos que se apresenta como uma opção vegetariana, mas que deixa todos bastante agradados. A suavidade dos cogumelos adquire uma nova amplitude num prato verdadeiramente surpreendente e cujo empratamento é merecedor de uma referência de tão cativante que é.

Polvo na brasa

Da Costa Vicentina veio o polvo. Cozinhado na brasa é servido na companhia de umas batatas à lagareiro com alho, alecrim e molho de pimentos assados.

Secretos de porco ibérico

Na carne a escolha do chef recaiu sobre secretos de porco ibérico. Mais uma vez uma aposta ganha, pois, convenientemente bem grelhados, carregam um sabor muito próprio e quase viciante. Os vegetarianos é melhor não experimentarem, ou correm o risco de passar a gostar de carne, ou pelo menos desta tão bem cozinhada pelo chef Diogo. Com a ameixa a trazer um “sweet flavour” ao prato, o resto ficou por conta da companhia, um delicioso arroz de feijão e chouriço que de imediato nos leva para Trás-os-Montes.

Pudim abade de priscos

Para terminar nada melhor do que pudim abade de priscos, servido na dose certa com sorvete de limão e um, surpreenda-se, crocante de presunto. Não podíamos pedir mais!

Viva Lisboa
Neya Lisboa Hotel
Rua Dona Estefânia, 71
Lisboa
Tel. 21 310 1801
Horário: de segunda-feira a domingo das 12h00 às 23h00; almoço da segunda a sexta-feira das 12h00 às 15h00
Menu de degustação: 45 euros

Texto: Sandra Pinto
Fotos: Luís Pissarro

You May Also Like

W.K. Kellogg com mais opções com ingredientes naturais e de origem vegetal

Le Buffet do Casino Lisboa apresenta renovados ciclos gastronómicos

U.M.I. há um novo japonês no Parque das Nações

Jamie Oliver’s Pizzeria o novo spot em Lisboa

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt