À boca do mar. Este não é um brunch qualquer

Com vista para o oceano Atlântico, o Restaurante Navegantes apresenta-se como um destino dentro do destino que é o Grande Real Villa Itália, o qual podem ficar a conhecer melhor aqui.

Espaço dedicado à melhor gastronomia, surpreende pelo menu de gastronomia portuguesa idealizado pelo chef Paulo Pinto, mas surpreende ainda mais quando aos fins-de-semana abre as portas para acolher um dos melhores brunch da região.

À boca do bar. Este não é um brunch qualquer

Apelidado de à boca do mar, o brunch do Navegantes acontece ao sábado e ao domingo entre as 12h30 e as 16h00. Chegámos uns minutos antes da abertura das portas e pudémos ver “in loco” a azáfama que precede um brunch desta categoria. Nada pode falhar. Tudo tem de estar impecável, pois bem vistas as coisas estamos no Grande Real Villa Itália, um 5 estrelas de referência pelo serviço que presta.

À boca do bar. Este não é um brunch qualquer

À chegada os visitantes são recebidos com um copo de sangria, branca ou tinta, dependendo dos gostos. Diga-se de passagem, umas boas-vindas assim marcam logo a diferença. Diferença essa que se mantém e acentua quando começamos a percorrer os vários pontos gastronómicos do brunch. E são tantos e tão bons…

À boca do bar. Este não é um brunch qualquer

Do sushi aos peixinhos da horta, das bolinhas de farinheira ao rosbife, das empadas de rabo de boi aos crocantes pastelinhos de bacalhau, da morcela assada com maçã ao queijo de cabra gratinado sobre bolo do caco e mel, passando pela seleção de frescas saladas tradicionais portuguesas, tudo é excelente.

À semelhança da gastronomia servida no La Terraza ao almoço e ao jantar, também aqui a criatividade está presente, mesmo nas receitas mais tradicionais onde se descobrem novos paladares e renovadas texturas.

À boca do bar. Este não é um brunch qualquer

Na zona do pão a variedade é muita, pois por lá descobrimos pão de Mafra, de azeitona e tomate seco, de cereais, tigre e carcaça regional, aos quais se juntam os croissants, os brioches e os crepes. A fazer a devida companhia queijos e enchidos regionais, além de compotas e geleias de fruta caseiras. Uma delícia!

À boca do bar. Este não é um brunch qualquer
Ovos Benedict

Não podiam faltar os ovos e aqui o destaque vai para os ovos benedict, uma verdadeira perdição de tão bem feitos que são.

Além de todos os fins-de-semana o brunch apresentar um prato quente diferente, são apresentados diversos risottos e massas frescas e secas a gosto, confeccionadas ali mesmo com recurso aos ingredientes seleccionados pelo cliente.

Na mesa de doces a diversidade mantém-se com sugestões de fazer crescer água na boca. Como arroz doce, leite creme, pastéis de nata, deliciosas farófias, bolas de Berlim, Pratas de Cascais, diversas tartes e bolos, além de mousses e fruta fresca.

À boca do bar. Este não é um brunch qualquer

Perfeito para quem deseja começar um sábado ou um domingo diferente, o brunch à boca do mar acolhe quem chega com muita descontração. Uma coisa é certa, corre o risco de ficar fã e de regularmente precisar de lá voltar. Mas, do mal o menos, pois por lá vai sempre encontrar novidades gastronómicas, bom ambiente e muita simpatia.

Brunch à boca do mar
Restaurante Navegantes
Grande Real Villa Itália Hotel & SPA
Rua Frei Nicolau de Oliveira, 100
Cascais
Sábados e domingos
Horário: entre as 12h30 e as 16h00
Preço: 28 euros por pessoa; crianças entre os cinco e 11 anos 12,50 euros; crianças até aos quatro anos, inclusive, não pagam.
Reservas: telefone 210 966 000 ou [email protected]
www.realhotelsgroup.com

Texto: Sandra Pinto
Fotos: Luís Pissarro

You May Also Like

Soul Garden a alma do Corinthia Hotel Lisbon em forma de bar

Nova carta de bebidas do Palácio Chiado recebe o Verão

Vila Valverde Design & Country Hotel recebe jantar com chefs Michelin

Fomos conhecer o Three Bones o restaurante mais angolano de Lisboa

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt