Descubra os segredos do café com gelo

Existem alguns cafés mais adequados que outros para serem misturados com gelo.

Miguel Coelho, Coffee Ambassador da Starbucks em Portugal, explica que os melhores cafés para tomar frescos são os que se destacam mais pela sua acidez e sabores cítricos, características predominantes sobretudo nos cafés originários da África Oriental. «Quanto maior é a acidez do café, mais fresca a sensação que nos deixa na boca. Por isso, quando combinados com gelo, o resultado é surpreendente?, refere o especialista.

Como preparar café com gelo?
O tipo de café não é a única coisa a ter em conta. Os passos a seguir na sua preparação são também importantes para conseguir a mistura perfeita.

O primeiro passo e mais importante é ter em conta a proporção no momento de preparar o café.

Por cada grama de gelo, devemos adicionar na cafeteira duas gramas de café, para conseguir uma maior concentração e para que, ao misturá-lo com gelo, este não perca o seu sabor e força na boca.

A quantidade de gelo não é determinante, mas a sua qualidade é. É muito importante que o façamos com água filtrada, já que as impurezas da água podem afetar o sabor da bebida.

Por último, o ideal é verter o café quente de uma só vez e diretamente sobre o gelo, para que se refresque de forma homogénea e mantenha todo o seu sabor e propriedades.

Café com gelo da Starbucks

Doubleshot on Ice. O novo e refrescante café frio desta época, disponível em edição limitada de 9 de maio a 6 de julho, é preparado a partir de um espresso de corpo completo, misturado com gelo e envolvido com natas. Desde 3 euros

Cappuccino Freddo. A versão fria do famoso Cappuccino da Starbucks. Para a sua elaboração, o café é vertido sobre o gelo e coberto com uma camada fina de açúcar. Finalmente, a bebida é terminada com outra camada de creme de leite magro frio. Desde 3 euros

Cold Brew. Mistura de cafés das regiões de África e América Latina, que se deixa a preparar durante 20 horas em água à temperatura ambiente e se serve frio, resultando no café ideal para tomar com gelo. O resultado do seu processo de elaboração artesanal é um café com corpo, aromático, cheio de camadas de sabor e baixa acidez, que conserva todas as suas propriedades originais e nos transporta para as suas regiões de origem. Desde 2,20 euros

You May Also Like

Parceria entre marca de sushi e Mário Belém desafia ao aparecimento de novos talentos

Já conhece o novo embaixador da Palladium Portugal?

Viva Lisboa, o reencontro com as origens

4.º edição do Gin D’Ourique no Mercado de Campo de Ourique

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt