Real Companhia Velha e o Dia do Pai

2a1a

A Real Companhia Velha acaba de lançar o seu Royal Oporto LBV 2008, uma excelente opção para celebrar o Dia do Pai. Como alternativa, para os apreciadores da categoria “tawny”, a Real Companhia Velha sugere o Quinta das Carvalhas Reserva Tawny.

Proveniente da colheita de 2008, com características organoléticas excepcionais, o Royal Oporto LBV 2008 foi vinificado a partir das castas Touriga Nacional e Touriga Franca. Com um estilo derivado dos Vintage, os Late Bottled Vintage são vinhos do Porto de excelente qualidade, produzidos em bons anos e oriundos de uma só colheita, a indicada no rótulo. Engarrafados entre o quarto e o sexto ano após vindima, os vinhos do Porto LBV, ao contrário dos Vintage, beneficiam de um considerável envelhecimento em balseiro de carvalho. É um tinto e encorpado, com aroma a frutos vermelhos maduros. Na boca é fino, elegante com taninos muito firmes, conjunto sólido que termina persistente, elegante e frutado.

Feito com uvas das castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, oriundas da mais emblemática propriedade da Real Companhia Velha, surge o Quinta das Carvalhas Reserva Tawny, produzido através da cuidada vinificação e envelhecido durante sete anos em cascos de carvalho. É um “tawny” elegante e de cor aloirada; aveludado e fino. É um vinho rico em frutos secos e compotas de fruta vermelha.

PVP
Royal Oporto LBV 2008, 13,90 euros
Quinta das Carvalhas Reserva Tawny, 9,30 euros

www.realcompanhiavelha.pt

You May Also Like

Já conhece o Chef Stories? O restaurante para os apreciadores de carne…mas não só

Vamos falar de fine drinking com Simony Barros e Eliana Gachineiro da 20VER

Histórias do vinho com Miguel Alho e Filipe Sevinate Pinto da Herdade Vale D’Évora

Conheça um whisky duplamente envelhecido e finalizado em barricas de rum

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt