Guia dos Cabelos, Para Um Inverno Com Estilo

Para estar na moda, não é preciso renovar o guarda-roupa inteiro a cada nova estação. Basta prestar atenção aos pormenores – e neste aspeto, o cabelo é o mais fantástico dos acessórios, uma matéria versátil que permite inúmeras transformações.

Começando por pesquisar as novidades: quem acompanha os desfiles da moda nacional e internacional já deve ter visto que os cabelos compridos estão totalmente na moda. Usam-se lisos ou só com uma leve ondulação natural, ou então presos num rabo-de-cavalo bem esticado e ultra liso. Também há tranças, nós e torcidos mais elaborados. O elemento comum a todos estes estilos é o acabamento super brilhante.

Qualquer pessoa, em qualquer idade, pode ficar bem com o cabelo comprido, desde que este esteja bem tratado, brilhante e sem pontas estragadas. É uma questão de encontrar o corte e a cor adequados. Por exemplo, encontrar a harmonia certa entre a cor do cabelo e o tom da pele pode ser o detalhe que dá um ar mais fresco e saudável a uma cara pálida e olheirenta. O truque é perceber se a sua pele pede tons “quentes” ou tons “frios” no cabelo – se seguir esta linha de orientação, vai ver que encontra várias opções em louro, moreno ou ruivo que lhe ficam bem.

O brilho: é uma característica própria do cabelo saudável e bem tratado. A palavra-chave: hidratação, que começa em casa com um champô adequado ao tipo de cabelo e com a utilização de condicionador em todas as lavagens (há fórmulas leves para cabelos finos, algumas até lhes dão mais volume).

Um pormenor importantíssimo para dar brilho ao cabelo é lavá-lo como deve ser. Se pensa que isto não é consigo… pense duas vezes. «O segredo dos cabelos brilhantes é simples: muita água. A maior parte das pessoas não enxagua bem nem o champô, nem o condicionador. Ficam resíduos que deixam o cabelo baço. Para evitar isto, dilua uma quantidade pequena de champô na mão, em vez de aplicar diretamente na cabeça, massaje e enxague bem com água corrente. Enxague o condicionador da mesma maneira, até sentir que o produto saiu todo, que os dedos já não escorregam no cabelo”, ensinou-me o cabeleireiro Pedro Valverde (do cabeleireiro Pandora Hairdressers, em Lisboa).

Outro cuidado a ter com os cabelos compridos é não os esfregar nem torcer, nem durante a lavagem, nem depois, ao secar com a toalha. Seque-os como secaria uma peça caríssima de cachemira. Também não convém escová-los, penteá-los ou prendê-los com ganchos e elásticos quando estão molhados, porque ficam mais frágeis.

Está visto que o alisador elétrico vai continuar a ser “A” ferramenta essencial para quem, como eu, não tem o cabelo naturalmente liso. Atenção, que o excesso de calor desidrata e pode estragar o cabelo. Para isto não acontecer, use o alisador com moderação e alguns cuidados: só no cabelo seco (exceto os modelos expressamente indicados para uso no cabelo molhado); passe-o rapidamente a todo o comprimento, na direção das pontas, sem parar; procure um modelo com termóstato e adapte a temperatura ao tipo de cabelo; proteja o cabelo do calor com um produto próprio para isso.

Para acabar em beleza, a minha arma secreta: os óleos de tratamento. Não há melhor para hidratar, fortalecer e dar brilho aos cabelos secos e estragados. Por isso adorei o novo tratamento “Serviço Mítico”, de L’Oréal Professionnel, no cabeleireiro. Dá um brilho que permanece, não é só um efeito momentâneo. Percebo que quem tem o cabelo fino torça o nariz à ideia, mas hoje já existem texturas leves, próprias para cabelos finos e este tratamento é um ótimo exemplo disso.

Texto de Vera Saldanha
Artigo disponível (sem necessidade de Adobe Flash Player) em: http://look-mag.com/2012/10/11/guia-dos-cabelos-para-um-inverno-com-estilo/

You May Also Like

Parfois apresenta o guarda-roupa para sobreviver aos dias de calor

Cuidados capilares botânicos e vegan da Lazartigue

Há uma nova coleção de banho da Women’secret

Waterlover Sun Milk Biotherm o protetor que protege os oceanos e a sua pele

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt