Xavier Rudd na Aula Magna

Xavier Rudd trouxe a sua digressão a Portugal e teve uma noite de lotação esgotada na Aula Magna, em Lisboa.

Veio da Austrália para encher de alegria a sala de espectáculos lisboeta numa noite que deixou todos de alma cheia e coração sorridente. Guitarrista e soprador de yidaki deu vida à consciência ambientalista da sua enorme ilha austral, com uma atmosfera acústica que lhe é característica.

Rudd deixou uma montanha de energias positivas. Durante as duas horas de concerto apelou ao amor, à união, à força humana, à natureza. As músicas trazem para cada elemento do público uma energia poderosa que preenche o corpo de cada um transportando para um universo paralelo onde tudo é perfeito e harmonioso.

De pés descalços e fato de macaco, Xavier arrastou com ele uma Aula Magna inteira de pé, pois durante todo o concerto ninguém parou sentado um segundo.

“Honeymoon Bay”, “Rusty Hammer”, “Come Let Go”, “Storm Boy”, “Gather The Hands” ou “Breeze”, foram temas que não deixaram o público indiferente e que deixaram um apelo à amizade, à paz e ao amor.

Frankie Chavez fez a primeira parte, «confesso que o convite para aqui estar foi feito um pouco em cima da hora, mas estou muito feliz».

Texto: Sandra Pinto
Fotos: Luís Pissarro

You May Also Like

Time For T lançam novo single “Screenshot”

Samuel Martins Coelho edita disco autobiográfico em Outubro

Primal Scream chegam ao Porto em Novembro

Men On The Couch editam Senso Comum em Outubro

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt