Usura de Paulo Nozolino

A exposição Usura é a primeira em que Paulo Nozolino reúne a quase totalidade dos trípticos que realizou até hoje, nove, de fotografias a preto e branco. Comissariada por Sérgio Mah, a mostra distingue-se na trajetória artística do fotógrafo português pelas características das obras.

O primeiro destes trípticos ganhou vida em 1999, momento que marca uma evidente inflexão na obra do fotógrafo, e que se intensificou nos últimos anos, na procura de uma prática da fotografia que pende para os sentidos textuais da imagem, ou seja, o apelo por uma visualidade que procura o exercício especulativo e ficcional, que assume o valor dialéctico e sugestivo das imagens como formas e meios legítimos – e necessários – de representar e escrutinar a realidade, e, consequentemente, a história, as suas representações e as suas memórias.

O título baseia-se no título homónimo de um poema, o Canto LXV, de Ezra Pound. Muito para além da admiração pela obra do poeta americano, a exposição Usura ensaia um incisivo comentário crítico sobre alguns dos acontecimentos mais trágicos da história moderna e contemporânea. Através das imagens e títulos de cada tríptico, encontram-se referências mais ou menos explícitas ao Holocausto, ao declínio da Europa, à invasão do Iraque, ao atentado às torres gémeas e à catástrofe de Chernobyl, mas também a temas menos concretos no tempo e no espaço, como o desaparecimento do mundo rural, a religião, a morte e a imigração.

BES Arte & Finança
Praça Marquês de Pombal, 3
Tel. 213 508 975
Até 04 de janeiro de 2013
Entrada gratuita
www.bes.pt
Artigo disponível (sem necessidade de Adobe Flash Player) em: http://look-mag.com/2012/10/01/usura-de-paulo-nozolino/

You May Also Like

Poesia Completa de Maria Alberta Menéres

Clube dos Poetas Vivos promove encontro semanal online sobre poesia até ao final de Junho

Cinco museus unidos na exposição “Um Mundo de Máscaras”

Festival CriaSons abre candidaturas para o Concurso de Compositores Emergentes

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt