Nuno Varudo apresenta o projeto Lisboa Negra

Nuno Varudo, músico e compositor em She Pleasures HerSelf, The Paper Road, entre outros, apresenta o seu projeto Lisboa Negra, o qual ganhou forma durante o período de confinamento obrigatório, «de forma a prevenir eventuais sinais de loucura e insanidade», refere o músico à LOOK mag.

O primeiro disco, “Pára. Recomeça.”, foi composto e registado em casa, com produção de Pedro Code e será lançado em formato CD, pela editora portuense Z22, no final de junho.

Questionado sobre a essência de Lisboa Negra, o músico afirma que este «é um projeto de pop electrónica escura, com textos em português, sofisticado mas com nuances vintage». Relativamente às influências, Nuno Varudo esclarece que as mesmas se encontram «aAlgures entre Bukowski, Nick Cave, Jacques Brel, David Bowie, Sade, Woody Allen, Leonard Cohen, Depeche Mode e Amália».

Nas palavras de seu mentor, «esta Lisboa Negra consome pop etílico, industrial melancólico, post punk reprimido, hip hop catártico, new wave transformista e fado eletrónico».

You May Also Like

À conversa com o cantautor Miguel Reis aka Tio Rex

Capa de vinil sobre tapete vermelho – FRIPP & ENO – (NO PUSSYFOOTING) (1973)

À conversa com o músico José Manuel Gomes sobre o projeto Jubilee

Toxikull anunciam novo single “Darkness” com a participação de Marta Gabriel dos Crystal Viper

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt