Sob o lema “Chega Onde Quiseres”, a FNAC arranca com o seu programa-bandeira que há mais de 15 anos apoia e promove artistas nacionais promissores que se distingam em diversas áreas da cultura, está de regresso com muitas novidades e com a integração de quatro categorias a concurso: Cinema, Escrita, Fotografia e Música.

Novos Talentos FNAC 2018

Sob o lema “Chega Onde Quiseres”, a FNAC arranca com o seu programa-bandeira que há mais de 15 anos apoia e promove artistas nacionais promissores que se distingam em diversas áreas da cultura, está de regresso com muitas novidades e com a integração de quatro categorias a concurso: Cinema, Escrita, Fotografia e Música.

Sobre as categorias
Novo Talento FNAC Fotografia 2018
Para se inscreverem, os candidatos deverão fazê-lo aqui;
Os prémios são uma máquina fotográfica e exposição dos trabalhos (vencedor e menções honrosas) nos fóruns FNAC;
Os júri é composto por: Mário Cruz (presidente do júri, fotojornalista da Lusa e vencedor do World Press Photo 2016, categoria Assuntos Contemporâneos), Augusto Brázio (Fotógrafo), Francisco Feio (professor de fotografia) e Sérgio B. Gomes (jornalista do Público);
Este ano a FNAC conta com a Canon e o Instituto Português de Fotografia como parceiros e com a revista O Mundo da Fotografia como media partner.

Novo Talento FNAC Música 2018
Para a candidatura, as músicas dos participantes devem ser submetidas na plataforma de Passatempos do Facebook da FNAC Portugal;
Os jurados elegerão 4 faixas para integrar o CD Novos Talentos FNAC Música 2018 de todos os trabalhos a concurso, além das sugeridas pelo júri;
Das músicas escolhidas para os Novos Talentos 2018, o júri irá selecionar uma para ser premiada com um videoclipe, produzido por alunos da Universidade Lusófona;
O júri é composto por: Henrique Amaro (presidente do júri e radialista), Lia Pereira (jornalista), Luís Oliveira (radialista), Rui Miguel Abreu (jornalista);
A FNAC conta com o apoio da Universidade Lusófona para este projeto e da Antena 3 como Media Partner.

Novo Talento FNAC Cinema 2018
Os concorrentes podem apresentar-se individualmente ou em grupo;
As candidaturas devem ser feitas aqui;
Os projetos apresentados a concurso podem ser curtas-metragens de ficção ou de animação, com a duração máxima de 8 minutos;
Os prémios são uma máquina Canon, a masterização da curta-metragem para Digital Cinema Package DCP e a edição da curta-metragem para distribuição comercial nas lojas FNAC;
O júri é composto por: Paulo Trancoso (presidente do júri e presidente da direção da Academia Portuguesa de Cinema), João Canijo (realizador), Paulo Viveiros (professor do departamento de cinema e artes dos Media da Universidade Lusófona) e Margarida Cardoso (realizadora);
A FNAC conta com a Canon, a Universidade Lusófona e a Academia Portuguesa de Cinema como parceiros e a revista Magazine HD como media partner.
Novo Talento FNAC Escrita 2018
As candidaturas são submetidas por este e-mail
Envio de um conto literário com o máximo de 3 mil palavras inspirado numa obra clássica da literatura nacional ou internacional;
O prémio consiste num workshop na escola de escrita criativa Escrever Escrever e na publicação de um livro com os contos vencedores;
O júri é composto por: Conceição Garcia (presidente do júri e diretora da Escrever, Escrever), Dulce Maria Cardoso (escritora), Isabel Lucas (jornalista e crítica literária), João Tordo (escritor), Pedro Mexia (poeta, cronista, crítico literário);
A FNAC conta com o apoio da escola de escrita criativa Escrever, Escrever.

As inscrições para o programa são gratuitas e encerrarão a 9 de abril. Os premiados das distintas categorias são revelados no fim de maio, na Gala de entrega de prémios, “Novos Talentos FNAC 2018”.

You May Also Like

As 15 melhores músicas de 2018 by Filipa Moreno

WoodRock Festival anuncia 7.ª edição

Festival Laurus Nobilis 2019 apresenta cartaz

IDLES no Lisboa ao Vivo e a luta continua