Nick Garrie edita “The moon and the village”

No final dos anos 60, Nick Garrie fez um dos discos que deveria constar na lista dos clássicos dessa década, “The Nightmare of J. B. Stanislas”, um disco cheio de músicas pop românticas e melodiosas.

Após ter desaparecido durante décadas, este disco começou a aparecer em vendas online a preços exorbitantes. Em 2005, “Stanislas” foi reeditado e a mensagem do quão bom o disco era foi passando de boca em boca e uma nova geração de fãs de Nick Garrie nasceu. Músicos como Teenage Fanclub, Wilco, Camera Obscura, The Trembling Bells, Ladybug Transistor e BMX Bandits (claro) estavam entre os declarados fãs.

Em 2009, Nick Garrie editou um novo disco, “49 Arlington Gardens” e o mundo constatou que nenhum dos seus talentos tinha desaparecido após estes anos todos. Norman Blake, dos Teenage Fanclub, que participa no disco disse: “Nick’s the real deal. He can really do it. Brilliant songs and what a voice.”

De volta a 2017, há um novo disco de Nick Garrie a ser editado. Desta vez, mostra-se mais introspectivo e em reflexão. As canções estão mais fortes que nunca mas transmitem uma franqueza, fragilidade e ternura tremendas e os arranjos são da escola do quanto menos melhor.

You May Also Like

Uma mão cheia de músicas para se gostar de Bon Iver

NOS Alive 2019

Descubra quais os discos preferidos de algumas estrelas do universo da música

Joan Baez no Coliseu de Lisboa, um adeus sentido

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt