Neolith acaba de inaugurar um novo museu na China, na cidade de Hangzhou. O espaço destaca-se pelo pendor vanguardista, inovador e futurista.

Neolith inaugura museu vanguardista na China

Neolith acaba de inaugurar um novo museu na China, na cidade de Hangzhou.

O novo museu, que se destaca pelo pendor vanguardista, inovador e futurista, está situado no bairro de Binjiang, zona que acolhe as sedes de alguns dos maiores gigantes asiáticos do comércio eletrónico, da indústria automóvel e da tecnologia, e entre os quais se destacam a Alibaba, a Geely, a Dahua a Technology e a H3C.

O museu foi concebido por Chen Lin e Cui Shu, dois mestres internacionais do design, que projetaram um espaço único, exclusivo e espetacular, que evidencia os motivos pelos quais a arquitetura moderna asiática é atualmente uma das mais inovadoras e das mais requisitadas em todo o mundo.

O museu da Neolith foi criado para oferecer uma experiência espacial imersiva aos seus visitantes.

Ao longo do percurso, as formas, as luzes, as cores, as texturas e os materiais criam uma sucessão de experiências 3D reais que incidem sobre todos os sentidos, proporcionando uma experiência inovadora e futurista aos seus visitantes. O branco e o preto são o principal binómio de um percurso protagonizado pela conjugação de materiais e formas, bem como pelo uso de vários recursos estéticos.

Inspirado no conceito oriental de deixar fluir, o museu induz o visitante a abrir a mente e a deixar-se levar através de uma sucessão de espaços onde o Neolith® está presente em várias placas com aspeto de mármore suspensas e iluminadas com luz LED. As placas assinalam o percurso e dividem os espaços, acompanhando o visitante num trajeto que termina na “chegada” e que é o culminar de um processo de aprendizagem experimental sobre o Neolith®.

O museu funciona como um laboratório vivo, proporcionando uma experiência arquitetónica e espacial ao visitante que vai além da mera contemplação artística. Transmite as qualidades e os valores que definem as novas tendências apoiadas na inovação, nos novos materiais e no design vanguardista com base em linhas, planos, materiais e superfícies puras e imaculadas.

Com uma abordagem focada na sustentabilidade e na inovação, o museu possui uma piscina de forma alongada em redor de um passadiço construído em Neolith que, em conjunto com o teto de aço inoxidável, produz um poderoso reflexo de água, criado através de um efeito original de espelhos que impacta fortemente os visitantes.

O museu irá também oferecer instalações diferentes periodicamente que serão sempre orientadas para criar experiências espaciais e arquitetónicas baseadas no design, na inovação e em materiais de vanguarda.

You May Also Like

Parfois lança uma coleção cápsula tendência inspirada na beleza dos contrastes.

Parfois lança coleção cápsula inspirada na beleza dos contrastes Yin & Yang

Incensos tradicionais Spa Ceylon: descobrimos a maneira perfeita de trazer boas energias

“Bowie 75” decorre durante um ano e assinala o 75.º aniversário de David Bowie

«É com imenso prazer que apresentamos a "rubrica" Chá das 4», anuncia o clube lisboeta.

RCA Club dinamiza o Chá das 4

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt