Madmess + Desert’Smoke no Theatro Live Experience: uma noite psicadélica onde o rock veio espreitar

Voltámos ao Theatro Live Experience para embarcar numa viagem até aos anos 60 onde a ondas de psicadelismo tomavam conta dos corpos e das mentes de grande parte dos amantes de música de então. A época ficou lá atrás, mas a sua influência permanece bem viva, como se pode constatar na noite de ontem na nova sala de espetáculos dos arredores de Lisboa. A nossa viagem teve como anfitriões duas bandas, os Madmess e os Desert’Smoke, e a verdade é que não podíamos ter pedido por melhores cicerones.

Fotos: Luís Pissarro

Estão baseados em Londres mas são de origem portuguesa. Os Madmess embarcaram, neste ano ainda tão estranho, numa mini tour que os trouxe a Portugal para quatro concertos, tendo um deles acontecido no Theatro Live Experience. O trio psicadélico apresentou um alinhamento bastante coeso e interessante, do qual fizeram parte não apenas os seus temas mais conhecidos, como alguns que irão integrar o seu novo registo discográfico.

Em 2019, os Madmess surpreenderam como o lançamento de um trabalho homónimo. Repleto de canções intensas, as quais em cima do placo e tocadas ao vivo adquirem todo um renovado universo de texturas, cimentando a banda como uma das referências da nova cena psych nacional. Mistura em doses certeiras de trippy pysch e stoner, os Madmess transportam quem os ouve para um mundo paralelo onde as ondas sonoras interagem com a luz numa intensidade tal que é impossível não ficar irremediavelmente hipnotizado.

«Obrigada por terem vindo», agradece o vocalista, anunciando que «a nossa +ultima música de hoje é nova, chama-se Albatroz e vai fazer parte do novo disco a ser lançado durante o próximo mês de setembro». Pela nossa parte cá estaremos à espera do novo registo.

A primeira parte esteve a cargo dos compatriotas Desert’Smoke, que lançaram recentemente o trabalho Karakum, com o selo da Raging Planet.

Depois de, em 2018, ter editado o seu primeiro EP, Hidden Mirage, também pela mesma editora, a banda trouxe ao espaço Theatro Live Experience um alinhamento composto por temas onde pontuam os riffs poderosos e cativantes, povoando músicas que vão crescendo ao sabor da passagem dos minutos.

A densidade do seu som pode levar alguns até ao deserto, mas a nós transportam-nos para um mundo de cor e de flores, onde planamos rumo à felicidade, aquela que por vezes é tão difícil de alcançar, mas que ao som dos Desert’Smoke é perfeitamente possível.

You May Also Like

Mão Morta reeditam os primeiros quatro álbuns de estúdio

Mão Morta reeditam os primeiros quatro álbuns de estúdio

Redemptus, em conjunto com a Gruesome Records, a Raging Planet Records, a Regulator Records e a Ring Leader Records, lançaram recentemente o seu terceiro álbum, blackhearted.

À conversa com Redemptus

Súbita Vontade de Dançar apresenta-se repleta de riffs contagiosos, baterias de fazer disparar radares e conteúdo lírico ambíguo.

Cobra ao Pescoço lançam o single Súbita Vontade de Dançar cujo vídeo pode ver aqui

Wicked são de Paredes de Coura. Sérgio Sousa na bateria, Vasco Ferreira na guitarra e na voz, Ricardo Fernandes na guitarra e Miguel Carvalho no baixo.

Wicked Youth apresentam “OUT” e antecipam lançamento com o single Wysis (com vídeo)

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt