Lola Lola editam 7′ e apresentam videoclip “Killed a man in a field”

Registado no inexplorado cenário da Reserva Natural do Estuário do Douro e com brilhantes interpretações de Carla Capela e Tiago André Sue, ficou gravada na película de Rodrigo Areias e Susana Abreu uma história de amor trágico que trespassa corações, revelando-se na eternidade da paisagem que a vida é efémera.

Os LOLA LOLA, na sua edição de estreia pela soberana Chaputa! Records, são aposta forte do selo luso de culto no qual se estrearão dia 20 de Setembro com o lançamento de Killed a man in a field, seu quarto registo fonográfico.

Para essa estreia, no lado A escolhem uma canção que nos leva a viajar por uma larga paisagem de cor e infinito, desde as montanhas sagradas do Oriente ao deserto do Mojave. “Killed a Man in a Field”, canção-título, é um rasgo de primordial simplicidade, com uma melodia assente numa base densa e segura, a pedir uma jornada pelo interior de cada um.

Apresentado num distinto desenho do ilustrador Rui Ricardo, este quarto sete polegadas da banda do Porto conta, uma vez mais, com a dupla Nuno Riviera, na áspera produção e criativa mistura e Mike Mariconda, que o masteriza de uma forma exemplar.

Com raízes no sempre pulsante e inovador movimento criativo da cidade do Porto, os LOLA LOLA formaram-se em 2014, fruto da junção de um trio já muito experimentado nas lides musicais: Tiago Gil (Guitarra), Miguel Lourenço (Baixo) e Hélder Coelho (Bateria), todos ex-Os Tornados, ao qual se acrescentou a desconcertante voz de Carla Capela, conhecida da noite portuense como DJ Just Honey e um pujante sax barítono, atualmente nas mãos do mestre Rui Teixeira.

Sabotage Club
18 de Outubro
Barracuda Clube de Roque
19 de Outubro

You May Also Like

À conversa com os The Miami Flu sobre a nova “New Season”

À conversa com Rita Sedas da Throwing Punches

Quinta edição do festival online Wash Your Hands Say Yeah

À conversa com a banda Old Dog EP sobre o novo EP “Despertar”

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt