João Hasselberg no CCB

Joao_Hasselberg00

Estreou-se em 2013 com o primeiro disco de originais, “Whatever It Is You’re Seeking, Won’t Come In The Form You’re Expecting”. O músico português apresenta o seu novo “Truth Has To Be Given In Riddles” (2014) no CCB, a 05 de setembro.

O palco do Pequeno Auditório traz o peso da responsabilidade e a confirmação de que Hasselberg é já um dos nomes maiores do jazz, o seu berço, a que toda a música portuguesa deve dar atenção.

Joao_Hasselberg01

Contrabaixista por natureza, João Hasselberg surpreendeu o universo do jazz com o seu disco de 2013. O disco que se inspira em Murakami para o título é um conjunto de músicas demoradas, detalhadas e bem estudadas que revelam um compositor versátil e maduro ainda que tão jovem.

Com um lançamento tão bem acolhido pela crítica, Hasselberg teria que entregar um sucessor igualmente surpreendente. A porta de entrada cumpre as expectativas, já que o título deste segundo trabalho mantém a inspiração literária (é de Chaim Potok a expressão escolhida por Hasselberg para intitular o álbum). Lá dentro existem composições fortes e visuais, que têm o poder de transpor o universo do jazz e vir a instalar-se entre a música mais acessível ao grande público.

O álbum tem nomes desta nova geração talentosa que o jazz recente viu nascer, como Joana Espadinha (voz), Ricardo Toscano (saxofone alto), João Firmino (guitarra) e Diogo Duque (trompete). Juntamente com Luís Figueiredo (piano) e Bruno Pedroso (bateria), são precisamente estes músicos que acompanharão Hasselberg no Centro Cultural de Belém, no próximo dia 05 de setembro. Antes do CCB, passa pelo Salão Brazil, em Coimbra, a 04 de setembro.

Texto: Filipa Moreno
Fotos: Vera Marmelo

You May Also Like

Mão Morta reeditam os primeiros quatro álbuns de estúdio

Mão Morta reeditam os primeiros quatro álbuns de estúdio

Redemptus, em conjunto com a Gruesome Records, a Raging Planet Records, a Regulator Records e a Ring Leader Records, lançaram recentemente o seu terceiro álbum, blackhearted.

À conversa com Redemptus

Súbita Vontade de Dançar apresenta-se repleta de riffs contagiosos, baterias de fazer disparar radares e conteúdo lírico ambíguo.

Cobra ao Pescoço lançam o single Súbita Vontade de Dançar cujo vídeo pode ver aqui

Wicked são de Paredes de Coura. Sérgio Sousa na bateria, Vasco Ferreira na guitarra e na voz, Ricardo Fernandes na guitarra e Miguel Carvalho no baixo.

Wicked Youth apresentam “OUT” e antecipam lançamento com o single Wysis (com vídeo)

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt