Guano Apes em Lisboa

Oito anos depois, os Guanos Apes regressaram ao nosso país. Para muitos o concerto da passada semana no Coliseu de Lisboa terá sido morno e sem graça; para outros terá sido quase uma reunião familiar onde todos se conhecem. Para nós o concerto serviu para constatar in loco a boa forma dos Guano Apes. Foi cerca de uma hora e meia de música, com os membros da banda em sintonia com o público, que ali estava claramente para os ouvir, recebendo-os de braços abertos.

Os Guano Apes acalmaram? Talvez. As guitarras já não rasgam o horizonte sonoro e a voz da vocalista Sandra Nasić ficou mais melodiosa. Será da idade? Provavelmente. Mas não lhes fica nada mal.

“Bel Air”, assim se chama o último trabalho da banda, viu a luz do dia há menos de um mês, pelo que é natural que não tenha entrado ainda nos ouvidos, facto constatável durante o concerto, quando os momentos mais calmos na plateia acontecerem no decurso das músicas novas.

No palco foram desfilando músicas como “You Can’t Stop Me”, “Open Your Eyes”, “Plastic Mouth” e “Big In Japan” (cover de um tema dos Alphaville). O concerto terminou com “Lords of the Boards” já no segundo encore, com os membros da bandas… mascarados!

Texto: Sandra Pinto
Fotos: Luís Pissarro

You May Also Like

Mão Morta no LAV não há frio que nos derrube

Auditório do Casino Estoril recebe Romeu & Julieta – Do Ódio ao Amor

Foreign Poetry editam “Grace and Error on the Edge of Now”

Workshops de Dança Butoh, Origami, Haiku e Ikebana no Museu do Oriente

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt