Para assinalar o dia mais assustador do ano, o Museu do Oriente preparou duas atividades “fantasmagóricas”, especialmente pensadas para os mais pequenos.

Fantasmas à solta no Museu… ou talvez não!

Para assinalar o dia mais assustador do ano, o Museu do Oriente preparou duas atividades “fantasmagóricas”, especialmente pensadas para os mais pequenos.

Através dos sons, das formas, das cores e das texturas, as famílias com bebés até aos 12 meses são convidadas a descobrir o universo mágico da Ópera Chinesa, a partir dos figurinos em exposição no museu e, principalmente, de umas mangas em tecido branco que, de tão longas, esvoaçantes e exageradas, cativam o olhar e parecem até o público saudar.

Para os fantasmas espantar, o ateliê “Aqui não há bruxas!” desafia famílias com crianças a partir dos 6 anos a percorrer símbolos e tradições, para perceberem como rapidamente se passa da superstição à razão.

Ateliê “Mangas de água?”
Tapete Encantado
4 ou 18 de Novembro
11h30-12h15
Público-alvo: bebés até aos 12 meses, acompanhados por um ou dois adultos
Preço: 4 €/ participante (adulto ou criança)
Participantes: mín. 10, máx. 20

Ateliê “Aqui não há bruxas!”
Domingos em Família
5 ou 19 de Novembro
11h00-12h30
Público-alvo: famílias com crianças a partir dos 6 anos
Preço: 4 €/ participante (adulto ou criança)
Participantes: mín. 10, máx. 24

You May Also Like

Ennio Morricone traz digressão mundial de despedida a Lisboa

Março traz novidades ao SYFY

O mundo de Sou Fujimoto em exposição no Museu do Oriente

HBO já chegou a Portugal com um mundo de novidades

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt