Casino Lisboa inaugura Casino Arts Meeting

No âmbito da plataforma Unitygate 2017, o Casino Lisboa inaugura um evento especial intitulado “Casino Arts Meeting”.

Trata-se de uma iniciativa cultural que promove o encontro de Artes e de artistas que proporcionam oportunos diálogos entre o Ocidente o Oriente. A Galeria de Arte acolhe, assim, a exposição de Marionetas Asiáticas “Vozes da Terra”, de Elisa Vilaça; e a 2ª Mostra de Artes Plásticas Oriente Ocidente.

Silvia Zang, Travessia 2016, Tinta da china e guache em papel de arroz, 50 x 40 cm

Estará, ainda, em destaque no hall do Casino Lisboa uma peça original intitulada “O Dragão”, da autoria do artista Zé Guilherme (ESAD).

Exposição de Marionetas Asiáticas “Vozes da Terra”, de Elisa Vilaça
Conjunto de marionetas, provenientes de diversos países asiáticos e com diferentes técnicas de manipulação. “Vozes da Terra” foi o nome escolhido por Elisa Vilaça, precisamente pela origem remota das próprias marionetas. Esta exposição pretende dar uma breve imagem da enorme diversidade e características de uma Arte Milenar, que se mantém cada vez mais viva no tempo e reconhecida mundialmente.

2ª Mostra de Artes Plásticas Oriente Ocidente
Constitui uma expansão às artes plásticas com uma visão interdisciplinar e investe na promoção da arte, no incentivo a artistas, nas relações culturais sino lusas. A curadoria é da responsabilidade de Ana Maria Catarino (Curadora Galeria de Arte, Casino Lisboa) e de Ana Battaglia Abreu (Curadora Convidada/Unitygate).

Tiago Rorke, Scorekeepers 2017, Contraplacado, acrílico, motores de passo, rolos de borracha, servos, arduinos, ecrã oled, papel de calculadores, canetas, 200 x 170 cm

Esta mostra é original pela interdisciplinaridade e oportunidade que oferece aos artistas de criar sinergias e ligações às temáticas orientais em geral, ou especificamente ao território ou à cultura Macaenses, numa visão aberta e transversal, que após envio de propostas foram selecionados pela curadoria do evento.

Estarão em destaque as seguintes obras: A Jóia de Camilo Pessanha, by A. Sinai “Claves de lua e sol”; Sílvia Zang, “Travessia”, 2016; Beatriz Manteigas “After the Storm”, 2016; Jacques Ruela “Entre Mundos”, 2017; Joana Fontes “Portugal em Todo o Mundo”, 2017; Susana Quevedo s/m Título, 2017; Isabel Sá Correia “Resgate”, 2017; José Guilherme “Prato Sapato”, 2017; André Lopes “Corpo a Corpo”, 2017; Constança Bettencourt “Divido” e “Suspendere”, 2017; Guilherme Serra “Torri”, 2017; Sunil Pariyar “Little Harbour under the 25 Abril Bridge”, 2016; Chila Cunha “Circulando na Indecisão”, 2017; Duarte Esmeriz “Árvore da Patacas”, 2015; Tiago Rorke “Scorekeepers”, 2017.

Susana Quevedo, S/M Titulo 2017, Carvão, acrílico e giz sobre papel, 58 x 42 cm

A Mostra será, ainda, acompanhada de um Concurso – open call, oferecendo, assim, a oportunidade de exposição e venda dos trabalhos selecionados e criando, desta forma, prémios de incentivo artístico.

Os prémios de incentivo à Criatividade e Desenvolvimento Artístico, são atribuídos pela Fundação Casa de Macau, Casino Lisboa e Unitygate como co organizadores, e Fundação Jorge Alvares (Patrocínio), num importante apoio às artes e desenvolvimento de pontes criativas e culturais Oriente Ocidente. Serão distribuídos os seguintes prémios: 1º prémio – 1000€, 2º prémio – 750€, 3º prémio – 500€.

Casino Lisboa
Galeria de Arte
De 21 de Setembro até 2 de Outubro
Entre as 15h00 e as 3h00 da madrugada, excepto às Sextas-Feiras e aos Sábados, das 16h00 às 4h00 da madrugada.

Nota: Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Lisboa é reservado a maiores de 18 anos

You May Also Like

Novo espaço dedicado à cultura no Palacete dos Condes de Monte Real

Lobo Mau invade o Salão Nobre do D. Maria II

As personagens ganham vida no Museu do Oriente

Auditório do Casino Estoril apresenta “Vidas Privadas”

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt