Bill Callahan em Portugal

bill_callahan-r-lookmag

Um regresso com cheirinho a estreia, pelo menos para nós que não o conseguimos ver quando há seis anos Bill Callahan passou pela primeira vez pela capital portuguesa. Nessa altura debaixo do braço trazia «Woke On A Whaleheart», à época o seu único, e primeiro, registo em nome próprio.

Depois chegaram ao mercado «Sometimes I Wish We Were An Eagle» e «Apocalypse» que encheram de boa música os ouvidos de quem aprendeu a gostar da voz e das melodias de Callahan. Apreciados pela crítica e pelo público, ambos os trabalhos ajudaram a solidificar a carreira do até então conhecido como Smog. Soberbas canções escritas de uma forma carregada de alma e entrega fizeram com que Bill integrasse a categoria dos brilhantes fazedores de bonitas canções.

Neste regresso a Lisboa, Bill Callahan traz “Dream River”, o seu décimo quinto trabalho dado a conheceu em Setembro. Nele, o músico resgatou a memória e a intensidade de «Apocalypse» ao dar às suas canções uma aura mais luminosa e positiva. Letras memoráveis, arranjos requintados em canções que nos transportam para outro mundo, o mundo de Bill Callahan, onde nos deixamos ir numa viagem única e sonhadora.

Para o concerto que ansiosamente aguardamos, Bill Callahan vem acompanhado de Matt Kinsey na guitarra, Jaime Zuverza, no baixo, e Adam Jones na bateria.

Cinema São Jorge
Sala Manoel de Oliveira
Sábado, 22 de Fevereiro, às 22h00
Preço: 20 euros

https://www.facebook.com/bathyspheral

Texto: Sandra Pinto

You May Also Like

Devendra Banhart com três concertos em Portugal

Está a chegar a terceira edição da Oktober Festa

Nick Cave revela as suas 10 canções de amor preferidas

Notas de um velho nojento, de Charles Buwokski

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt