Ailbhe Reddy antecipa disco Personal History com single “Looking Happy”

A emergente artista alt-folk Ailbhe Reddy partilha a nova comovente faixa “Looking Happy”, o single mais recente do álbum de estreia Personal History, com lançamento previsto para 2 de Outubro pela Street Mission Records.

Ailbhe Reddy diz explica o single: “A música é sobre observar a vida de alguém de longe após o término do namoro. Todos nós deveríamos saber agora que o que as pessoas apresentam online é uma versão brilhante e feliz dos eventos mas, às vezes, é impossível ter essa lógica quando estás a sofrer. A maioria das pessoas provavelmente acaba por visitar o perfil online de um ex e sente que sua vida é cheia de festas e dias divertidos porque isso é tudo o que as pessoas mostram da sua vida no online ”.

Tendo atraído elogios generalizados em toda a comunidade de críticos (Consequence of Sound, The Line Of Best Fit, Clash, Wonderland), grande destaque em todas as ondas de rádio da BBC 6 Music (Reino Unido, Lauren Laverne) e marcando presença em lugares de renome como Glastonbury, Primavera e Latitude, o perfil de Ailbhe está certamente em ascensão e o seu primeiro longa duração chega na altura certa.

O disco de estreia de Ailbhe Reddy é uma colecção íntima e introspetiva de canções que ruminam os ritos de passagem de uma artista jovem, emergente e ‘queer’ de Dublin.

Em Personal History, a capacidade de Ailbhe de escrever canções de auto-avaliação sincera e honesta vê-a navegar autobiograficamente por finais de relacionamentos na era das redes sociais (“Looking Happy”), fazer reflexões sobre a dualidade entre solidão e independência durante as suas tours (“Time Difference”), e a revelar a sua orientação sexual (“Between Your Teeth” e “Loyal”).

Tendo feito uma pausa na música para estudar psicoterapia por um ano durante a gravação do seu álbum, há uma sensação de que Ailbhe aplica uma nova compreensão e empatia às perspectivas e problemas das pessoas que a rodeiam, além de analisar indirectamente os problemas da sua vida. O estimulante “Self Improvement” dá lugar a um diálogo sobre as dificuldades em lidar com a saúde mental, enquanto outras músicas dissecam com maior precisão questões como aprender a conviver com o fracasso (“Late Bloomer”) e enfrentar os medos de compromisso (“Failing” e “Walk Away”).

You May Also Like

Rosa Sparks lançam o single “No More”

Vénia de João Vairinhos com edições em Vinil (12″) e Digipack

À conversa com Madalena Palmeirim

Silente, novo projecto de Miguel Dias, lança single “Em Espera”

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt