A playlist de Paulo Rui (Ainda Há Tempo) para este estranho Outono

«O Outono tá aí, com ele, a eminência das tempestades que hão-de chegar!
Para muitos a tempestade já chegou, aliás, já nasceu cá dentro, nunca foi embora!
Mas relembrar que a escuridão só existe, pois existe luz… e por mais assombrosa que a sua sombra possa ser, lembrar, que são os dias mais negros, os que fazem a luz brilhar mais forte!

Por cá, muitas e belas histórias são contadas por muitas e belas pessoas… cada uma contada de diferente forma, com diferentes intenções e propósitos, mas é na diferença que percebemos que muito há para descobrir e aprender… basta querer ouvir!», Paulo Rui

Saibam mais sobre o Paulo Rui e uma das suas bandas, os Besta, aqui e sigam os vídeos de Ainda Há Tempo aqui.

Cruelist – Poison Ivy

Greengo – Heavyman

Don’t Disturb My Circles – No Sun

We Are the Damned – Dreams Under Surveillance

Soul of Anubis – Shade of Oblivion

My Master the Sun – O Dia Em Que O Tempo Parou

Quinta feira 12 – Fiasco

Filho da Mãe – Marcha de Pedra

Fere – Bárbara

Misfit Trauma Queen – EnterNoise

«Mas também lá fora, outras mais histórias ecoam cá dentro… nunca será uma qualquer linha “imaginária” que determinará a fronteira, pois a música não precisa de passaporte, a sua mensagem será sempre levada pelo vento, onde quer que a queiramos ouvir…», Paulo Rui.

Zozobra – Soon to Follow

Old Man Gloom – Crescent

Cave in – Sing My Loves

Converge – Grim Heart / Black Rose

Ben Howard – End of the Affair

Cult of Luna – Passing Through

Isis – So Did We

Cursed – Model Home Invasion

Sumac – The Deal

Napalm Death – Suffer the Children

You May Also Like

Rosa Sparks lançam o single “No More”

Vénia de João Vairinhos com edições em Vinil (12″) e Digipack

À conversa com Madalena Palmeirim

Silente, novo projecto de Miguel Dias, lança single “Em Espera”

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt