School of Rock está a preparar a inauguração, em 2021, de novas escolas. Em Portugal a escola de música prepara-se para abrir duas unidades.

À conversa com Fernando Quesada e John Gillermo da School of Rock

School of Rock nasceu nos Estados Unidos em 1998. Criada por Paul Green, tem como diferencial o rápido desenvolvimento dos alunos, combinando aulas com práticas em banda e muitas atividades extras presenciais e online. Isso torna-a numa escola de música apta a receber crianças, jovens e adultos.

Hoje existem 291 unidades em 11 países, incluindo Estados Unidos, Canadá, México, Brasil, Peru, Chile, África do Sul, Austrália, Filipinas, Paraguai e Espanha.

Neste momento, a empresa está a preparar a inauguração, ainda este ano, de novas escolas em Taiwan, Irlanda e Colômbia.

Relativamente a Portugal, a escola de música prepara-se para abrir uma primeira unidade em Matosinhos e, mais tarde, em Oeiras.

Isto e muito mais foi revelado à LOOK mag numa conversa onde participaram Fernando Quesada, músico, fundador da EM&T Online e um dos sócios diretores do grupo School of Rock Brasil, e John Gillermo, CEO da School of Rock Portugal.


Powered by RedCircle

Mais conversas para ver aqui.

You May Also Like

Cajo, na guitarra e na voz, José Mendes, na guitarra, Cadete, no baixo, e Pires na bateria são os Lisbon South Bay Freaks.

À conversa com Lisbon South Bay Freaks

No fim-de-semana de 25 e 26 de Setembro descobrem-se os “Caminhos da Água” que moldam as paisagens de Lisboa e Almada.

À conversa com o colectivo Baldios sobre o Open House Lisboa 2021

Mad Nomad é um projeto de spoken word onde o jazz, o hip hop, e sampling se unem nas composições originais de Catarina dos Santos.

À conversa com Catarina dos Santos sobre o projeto Mad Nomad

Imagens do arquivo de família de João Cristóvão Leitão lembram-lhe um texto de Borges. Pouco a pouco, transforma Averróis no seu avô.

À conversa com João Cristóvão Leitão sobre vídeo-instalação “em busca de Averróis”

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt