Fomos conhecer o Three Bones o restaurante mais angolano de Lisboa

Fomos visitar o restaurante mais angolano de Lisboa e de lá viemos perfeitamente rendidos. Bom ambiente, boa comida e um staff muito simpático, fazem deste um espaço muito interessante.

Localizado na Rua da Conceição da Glória, paredes meias com a Avenida da Liberdade, o Three Bones traz até Lisboa os aromas e sabores da gastronomia de Angola. Decorado pela empresa Sanimaia, o espaço que se reparte pela sala de restaurante e um lounge, tem como objectivo transformar-se num spot de referência para os angolanos que visitem ou vivam em Lisboa, mas também para todos os que queiram conhecer as delicias gastronómicas deste país africano.

Depois de terem aberto dois restaurante em Angola, foi a vez de os donos do Three Bones olharem para Portugal como uma oportunidade de darem a conhecer a sua gastronomia. Para Luísa Silva, a sua proprietária, o motivo que levou a abrir o Three Bones em Lisboa assenta em diferentes factores, «Angola vive uma crise económica que se arrasta há mais de 6 anos, com problemas associados à queda dos preços das matérias-primas que comercializava, grandes exigências sociais e dificuldade em financiamento. Tudo isto levou a uma estagnação, a que se associou, mais recentemente, um acentuado aumento dos preços, desvalorização da moeda e saída de muitos estrangeiros», refere.

Choco frito, receita angolana

Quitaba

Em Angola, a empresa de Luísa Silva dava resposta a empresas e a expatriados (estrangeiros a residir em Angola), mas, «com a crise, muitas empresas fecharam, reduziram a sua actividade com a consequente saída se estrangeiros. Isso teve um elevado impacto na nossa actividade».

Peixe frito com escabeche e quitutes

Para a dona do Three Bones, é nos momentos de crise que se tem de refletir sobre o futuro e deferir uma estratégia consistente que permita, primeiro, sobreviver, e depois crescer. «Queremos continuar em Angola, mas temos uma mão-de-obra qualificada que não desejamos abandonar. Perante esta situação, decidimos utilizar o nosso saber para iniciar um projecto em Portugal. O nosso mercado-alvo é a população portuguesa, os estrangeiros que visitam Portugal e, sobretudo, a população angolana residente no país», afirma, revelando que «queremos dar ao mercado algo de nossa cultura gastronómica».

Calulu de peixe

Moamba de galinha dendém

Ao almoço e ao jantar as cartas são diferentes, sendo que ao almoço são dadas três opções – carne, peixe e vegan -, enquanto ao jantar o serviço é à lá carte. Da moamba de galinha com azeite de dendê, disponível numa versão vegan, com base no tofu e feita com caldo de legumes, até ao calulu de peixe fresco, passando pela moqueca de marisco e pelo rabo de boi com funge (farinha de mandioca), tudo e confeccionada com ingredientes de elevada qualidade, entre eles alguns chegam directamente de Angola, como é o caso do óleo de dendê, do óleo de palma ou da fuba.

Rabo de boi com funge

O Three Bones Lisboa apresenta como lema servir bem com um gosto de caseiro, pelo que a gastronomia é da autoria dos chefs João Paulo e Rómulo, os quais asseguram igualmente os restaurantes angolanos. «O nosso sucesso sempre esteve ligado a comida de alta-qualidade com um “gostinho especial” ou seja, feita como se o cliente estivesse a comer em sua casa», afirma Luísa Silva, «somos uma empresa de cariz familiar, começámos do zero e fomos crescendo devagar, sonhando sempre em trabalhar com qualidade num sector onde o fast-food parece vencer, sem convencer». Para o restaurante de Lisboa optaram por um serviço jovem, de qualidade superior.

Creme de bolacha

Milho doce

Surgindo como um restaurante diferente dentro da variadíssima oferta de restauração da capital, o Three Bones não pretende ocupar o lugar de ninguém, antes estabelecer-se como um restaurante diferente com uma oferta igualmente diferenciadora. «Penso que há mercado para todos, pelo que hoje pode-se comer em Lisboa como se estivesse em qualquer outra parte do mundo. Há muita qualidade, bons produtos e bom serviço», sublinha Luísa Silva, «desejamos alargar essa oferta para que os angolanos e os portugueses que já passaram por Angola tenham aqui um ponto de encontro de sabores com um toque caseiro».

No piso inferior, o lounge apresenta uma carta de cocktails, vinhos e outras bebidas, além de contar diariamente com animação de DJ. Ficámos cheios de curiosidade em vir espreitar o ambiente pois foi nos revelado que seria este um destino perfeito para beber um copo ou final da tarde ou durante a noite, sempre com os sons da música angolana por perto.

Three Bones
Rua da Conceição da Glória, 6
1250-096 Lisboa
Capacidade: 40 pessoas
Horário: de terça-feira a sábado entre o meio-dia e as 22 horas
Encerrado aos domingos
Lounge
Horário: das 18h00 às 02h0; sexta e sábado, até às 03h00
Encerra domingo e segunda-feira

Texto e fotos: Sandra Pinto

You May Also Like

Novos piripíris com azeite de Oliveira da Serra

Fula Nativos uma gama de óleos alimentares que vai surpreender

Soul Garden a alma do Corinthia Hotel Lisbon em forma de bar

Nova carta de bebidas do Palácio Chiado recebe o Verão

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt