À conversa com PLINI

Oriundo de Sydney, na Austrália, PLINI compõe, toca, grava, produz e gere a sua visão singular do rock progressivo instrumental. Um verdadeiro virtuoso, daqueles que só começaram a aparecer já no novo milénio, acumulou paulatinamente uma legião de fiéis seguidores com as suas aptidões na guitarra e os seus arranjos instrumentais sofisticados.

Surgiu inicialmente em cena corria o ano de 2013 com a edição unicamente online de canções e vídeos, mas após uma série de EPs gravados de forma independente, lançou o muito elogiado álbum de estreia, «Handmade Cities», em 2016, sucedido pelo EP «Mirage» em Dezembro do ano passado.

Após a muitíssimo bem recebida estreia no nosso país em nome próprio, o músico vai regressar a Portugal e repete a “dobradinha” nos dias 25 e 26 de Junho, com atuações no Hard Club e LAV – Lisboa Ao Vivo, no Porto e em Lisboa, respetivamente.

You May Also Like

À conversa com Last Hope

Estrela de Heineken volta a dançar ao ritmo do NOS Alive

NOS Alive regressa no próximo fim de semana: conheça aqui os horários

KREATOR anunciam nova data para concerto em Lisboa

error: Conteúdo protegido. Partilhe e divulgue o link com o crédito @lookmag.pt